Sorocaba melhora desempenho nas exportações do Estado de São Paulo

Publicado por departamento de Jornalismo Cruzeiro FM 92,3 em 30/07/2022

Sorocaba vem apresentando diversos indicadores positivos. Desta vez, os dados são referentes à balança comercial.  De acordo com levantamento feito pelo Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (CIESP), no primeiro semestre de 2022, Sorocaba gerou US$ 1,56 bilhão na participação das exportações em todo o estado de São Paulo, apontando um crescimento de 62,5% em relação ao mesmo período de 2021, que foi de US$ 960,6 milhões.

Com isso, Sorocaba já se posiciona em 5º lugar no ranking das exportações no Estado de São Paulo, à frente, até mesmo, de cidades de porte semelhante ou maior, como Ribeirão Preto (US$ 1,40 bilhão), Jundiaí (US$ 1,12 bilhão), Bauru (US$ 1,01 bilhão), Guarulhos (US$ 1 bilhão), Santo André (US$ 538,9 milhões) e São Caetano do Sul (US$ 487,5 milhões).

No período analisado, os principais destinos das exportações de Sorocaba foram Argentina (30,1%), Estados Unidos (10,8%) e Chile (6,5%). Por sua vez, as importações nas compras regionais tiveram como principais origens a China (27,6%), o Japão (13,7%) e a Índia (9,1%).

“Não há dúvidas da força que Sorocaba tem, tanto na Região Metropolitana, como no cenário nacional em relação ao destaque no setor industrial e sua importância na economia brasileira. Isso é fruto de um trabalho árduo de profissionais qualificados e empreendedores dispostos a apostar, cada vez mais, em nossa cidade”, destaca o prefeito Rodrigo Manga.

Empregos na indústria

Um dos produtos mais exportados para a Argentina é oriundo do setor industrial, que também traz números positivos. Neste mês de junho de 2022, Sorocaba apresentou saldo positivo na criação de empregos no setor industrial, superando outras grandes cidades e que são tradicionalmente geradoras de postos de trabalho. Os dados foram apresentados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), em levantamento feito pelo CIESP.

O saldo líquido em número absoluto de empregos criados na indústria, no mês de junho de 2022, mostra que Sorocaba gerou 476 novas vagas formais, classificando-se em 5º lugar e superando cidades, como: Indaiatuba (371); São Bernardo do Campo (319); Marília (316); Osasco (284); Santo André (281); São José do Rio Preto (214); Bauru (178), entre outras.

Para o secretário de Desenvolvimento Econômico Trabalho e Turismo (Sedettur), Robson Coivo, a qualificação profissional influencia diretamente na colocação e recolocação dos profissionais no mercado, incidindo nesse resultado positivo da indústria. “O mercado de trabalho está cada vez mais exigente, pois, além da experiência comprovada em determinada área, é necessário ter curso de especialização, a fim de ampliar, ainda mais, as chances de conquistar a vaga de emprego, sobretudo no ramo tecnológico e industrial”, explica.

Outro fator fundamental na geração de empregos e atratividade para os investimentos está diretamente relacionado à Lei de Incentivo Fiscal e desburocratização em Sorocaba. “Esses números representam uma ótima retomada da indústria. Além disso, temos as parcerias entre Poder Público e empresas privadas, para a desburocratização no momento em que se vai abrir um novo negócio. Essas ações incentivam os proprietários de empresas, gerando mais empregos e renda a todos”, conclui o diretor titular do CIESP Sorocaba, Erly Domingues de Syllos.

Comentários

Você está ouvindo

Cruzeiro FM 92,3 Mhz

A número 1 em jornalismo