Editorial: Um cenário positivo (16/07/2021)

Publicado por departamento de Jornalismo Cruzeiro FM 92,3 em 16/07/2021

A construção civil e o mercado imobiliário, assim como os demais setores, foram afetados pela pandemia de coronavírus no mundo, porém, mantiveram um cenário estável e, neste ano, vêm mostrando um desempenho muito satisfatório, com novos empreendimentos sendo lançados e a criatividade na venda dos produtos sendo colocada em prática.

A pandemia fez com que muitas pessoas repensassem certas rotinas e buscassem ideias que pudessem auxiliar a economia para sobreviver.

A construção civil e o mercado imobiliário mostraram crescimento e, assim como o agronegócio, novamente ajudaram a manter a economia no país, pelo menos em parte dela, já que o índice de desemprego, de modo geral, ainda é bastante alto.

A taxa de desemprego no país manteve-se no patamar recorde de 14,7% no trimestre encerrado em abril, mesmo resultado visto em março, segundo pesquisa divulgada pelo IBGE no começo deste mês.

E, mesmo diante de muitos reveses, o preço do imóvel encontrou espaço e registrou maior alta no mês de junho desde o ano de 2014; bem antes da pandemia.

Conforme o Índice FipeZap, o preço médio nas vendas de imóveis residenciais, em junho, teve alta de 0,57%.

A pesquisa é realizada pela Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas) com base nos anúncios de imóveis em 50 cidades.

Das capitais monitoradas para a pesquisa, São Paulo apresentou ganho de 0,40%, superando a variação no Rio de Janeiro, que foi de 0,15%.

O balanço parcial do primeiro semestre de 2021 aponta ainda para alta nominal de 2,17% no período.

Em entrevistas realizadas no Jornal da Cruzeiro nas últimas semanas, as empresas dos segmentos da construção civil e imobiliário, parceiras da Cruzeiro FM, como a Magnum Construtora,  JC Cardoso; CRB Construtora; AG Velasco; e Construtora Planeta, mostraram um cenário positivo e de desenvolvimento de empreendimentos na cidade e região.

Ontem, o CEO da AG Velasco, Cristiano Moura, destacou durante entrevista ao jornalismo da Cruzeiro FM que alguns fatores foram preponderantes para que o mercado na construção civil pudesse continuar gerando bons frutos.

Segundo ele, a taxa baixa de juros, que é uma incentivadora para os investidores; e a migração de paulistanos para o interior de São Paulo, que descobriram que podem trabalhar do interior com mais qualidade de vida e com menor custo, são alguns dos elementos moduladores de um melhor cenário nesse segmento da economia.

A quantidade de empreendimentos trazidos por diversas construtoras, tanto locais como de outros lugares, é uma mostra dos bons números  no setor.

O mercado soube lidar, também, com a insegurança dos compradores por conta da pandemia, justificando que a compra de um imóvel significa sempre um investimento sólido.

Os empreendedores do ramo afirmam ainda que, com a vacinação avançando na cobertura cada vez maior de proteção à população, os números da construção civil vão ficar melhores.

E com a taxa de juros do crédito imobiliário mais baixa de toda a sua média histórica, o momento atual passou a ser uma oportunidade para quem quer adquirir um imóvel, seja para moradia ou para investimento, como afirmou também em entrevista no Jornal da Cruzeiro o diretor comercial da Magnum Construtora, Carlos Pirani.

Naturalmente, que para melhorar ainda mais o setor, as empresas já pensam em promoções que ajudam as pessoas a comprarem seu imóvel.

É o caso, por exemplo, da Magnum, que lançou a campanha promocional “Tá difícil? Vem de Magnum”.

Certamente, ações como esta colaboram sobremaneira com o crescimento da economia.

No entanto, não depende apenas do empresário, é preciso que os governos em todas suas esferas corroborem para que a economia seja mantida em um nível razoável enquanto o mundo ainda permanece à sombra do coronavírus.

Se cada um fizer sua parte, é possível encontrar mecanismos e meios de tentar sobreviver a esse difícil momento pelo qual passa a humanidade.

São boas notícias em meio a tantas outras negativas por conta da Covid-19.

Assim, continuemos a manter a guarda contra o coronavírus, tomando a vacina e seguindo as orientalções sanitárias para evitar a disseminação do vírus, ao mesmo tempo que buscamos o crescimento da economia.

Cruzeiro FM, número um em jornalismo!!!

Comentários

Você está ouvindo

Cruzeiro FM 92,3 Mhz

A número 1 em jornalismo