Governo não põe em votação reforma da Previdência, e Greve-geral é suspensa

Publicado por departamento de Jornalismo Cruzeiro FM 92,3 em 17/02/2018

A greve-geral prevista para esta segunda-feira (19) foi suspensa diante do recuo do governo federal em não colocar em discussão a reforma da Previdência na terça-feira. No entanto, o Sindicato dos Rodoviários de Sorocaba e Região informa que os trabalhadores do transporte coletivo vão fazer um protesto nas portas das garagens até às oito horas da manhã desta segunda-feira, quando também acontecerão assembleias. O sindicato, porém, não informou se haverá paralisação do transporte durante o protesto.
Comunicado do sindicato
A condição de greve durante todo o dia foi suspensa diante de mais um recuo do governo federal na votação. Diante de retirada da pauta de votação da PEC 287/2016 (Proposta de Emenda Constitucional) da reforma da Previdência, representando mais um recuo do governo federal na votação, o Sindicato dos Rodoviários de Sorocaba e Região informa que está suspensa a paralisação durante todo o dia 19 de fevereiro e que os trabalhadores em transportes representados pela entidade irão realizar um protesto na madrugada até às 8h da manhã, da segunda-feira (19), quando serão realizadas assembleias nas garagens das empresas.
O protesto irá acontecer em todas as empresas de transportes urbano, intermunicipal, rodoviário, de fretamento e de cargas, nos 42 municípios que compreendem a base de representação do Sindicato, ou seja, de Araçariguama até Itararé, passando pelos municípios das regiões de Sorocaba, São Roque, Itapetininga e Itapeva.
O sindicato irá realizar assembleias para manter os trabalhadores informados sobre os malefícios que a reforma da Previdência traz à classe trabalhadora, para solicitar aos trabalhadores a ampliação da pressão sobre os deputados federais da região para que eles votem contra a reforma e para manter a categoria mobilizada, pois a greve-geral irá acontecer assim que a PEC voltar à pauta do Congresso Nacional.
O sindicato está comunicando as empresas sobre a mudança no horário do protesto contra a reforma da Previdência.

Comentários

Você está ouvindo

Cruzeiro FM 92,3 Mhz

A número 1 em jornalismo